13 agosto 2013

A Canção do Suicida

Só mais um momento.
Que voltem sempre a cortar-me
a corda.
Há pouco estava tão preparado
e havia já um pouco de eternidade
nas minhas entranhas.

Estendem-me a colher,
esta colher de vida.
Não, quero e já não quero,
deixem-me vomitar sobre mim.

Sei que a vida é boa
e que o mundo é uma taça cheia,
mas a mim não me chega ao sangue,
a mim só me sobe à cabeça.

Aos outros alimenta-os, a mim põe-me doente;
compreendei que há quem a despreze.
Durante pelo menos mil anos
preciso agora fazer dieta.

Rainer Maria Rilke, in "O Livro das Imagens"

4 comentários:

  1. Que lindo * - *
    Gostei bastante ^^
    Beijinho :*
    http://its-a-str4ngeworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Muito forte! perder a esperança... perder a confiança em tudo é muito triste...temos muitos vivos mortos...o mundo está assim para muitos, que legado nos estamos deixando para as futuras gerações? temos que ser luz onde há escuridão.

    ResponderExcluir
  3. Ola amigo quero parabenizar pelo ótimo trabalho que seu blog vem exercendo

    Gostaria de li sugerir o Gadget LEIS E CÓDIGOS do Brasil: Para seu Blog.
    O Aplicativo LEIS E CÓDIGOS vem com os linkis das Leis e códigos da federação Brasileira
    Tipo: Liberdade de Imprensa ,Estatuto da Criança e do Adolescente, Código de Transito Brasileiro entre outros.

    Link do Aplicativo: http://bit.ly/10uQet4

    minha admiração!

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post, Anhy. Bem profundo.
    Não sei se minha interpretação foi correta, mas achei super interessante.
    Beijos!

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar. Só não vale deixar a santa e boa Ética de lado. Obrigada!