25 outubro 2011

Não Quero dormir


Não quero dormir

Dorme meu amor
Repousa em calma
Serei tua fonte de calor
Quando estiver fria a tua alma

Eu não quero dormir
Apenas te admirar
Ver você sorrir
Quero ver você sonhar

Será que está sonhando comigo?
O que você está vendo?
Continue sonhando, te protegerei do perigo.
Sou seu anjo e vou continuar sendo

Sua respiração forte
Junto ao meu coração
Não tenho medo de má sorte
Só por causa dessa paixão

Eu não quero meus olhos fechar
Ainda está cedo
Meu sono vai me dominar
E voltarei ao mundo do medo

Medo de sonhar
Que você me abandonou
Ou deixou de me amar
Medo de perceber que a realidade mudou

Por mais que eu tenha vontade
Não vou em seus braços adormecer
Quero matar essa saudade
De para sempre em meus braços te ter


( Anhy Menires)

3 comentários:

  1. Bela poesia... seu namorado irá ficar muito
    feliz ( se você tiver) se não sonhe... um dia
    irá acontecer, espere que te faça feliz, parabéns, continue... tens talento!

    ResponderExcluir
  2. Mais uma vez, estou feliz e agradecendo seus lindos comentários.
    Agora eu que digo. Continue. comentando eu gosto. rsrrs
    A paz

    ResponderExcluir
  3. Olá Anhy Menires,
    Este poema está especial. Continue,coloque-se na condição de aprendiz e haverá ainda mais expansão de seu talento.Sucesso!

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar. Só não vale deixar a santa e boa Ética de lado. Obrigada!