28 julho 2011

Sonhos de uma menina igênua


Sonhos de uma menina ingênua

A menina acha que vai conquistar o mundo com seu caderno e seu lápis.
Ela pensa que os psicopatas vão mudar, pelos textos que ela escreve.
Ela acha que vai apagar a dor de uma mãe
Ela imagina ser a força que faltava no mundo
Pensa ser o lugar vago no sucesso
A menina sonha, mas ela sonha em um mundo que a mata antes de lutar.
Antes de aprender a escrever, ela aprendeu de letra a frieza do mal.
Antes de aprender os números, ela aprendeu a matemática da perda.
Uma inocência singular que só pode ser encontrado em crianças ingênuas, que estão em extinção.
Agora,a menina poder ser apenas a menina que escreve, mas ela vai se tornar uma mulher. Quem sabe a mulher que acreditou e fez da perda uma escada. A mulher que acreditou, lutou e venceu. Hoje ela está toda suja, com uma lagrima no olhar e um caderno, mas quem sabe amanhã ela estarásorrindo e com a vitória.


( Anhy Menires)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar. Só não vale deixar a santa e boa Ética de lado. Obrigada!